Nutricionista alerta sobre perigos das "dietas detox" e recomenda alimentação equilibrada

19/01/2021

Tem sido cada vez mais comum a realização de dietas para ‘desintoxicar’ o organismo, mas a prática pode ser perigosa e acarretar danos à saúde, conforme alerta a nutricionista do Hapvida em João Pessoa, Sonalle Carolina. Ela explica que o fígado e rins são responsáveis por limpar o organismo, sendo desnecessário uma dieta com esse objetivo específico.
 
Conforme a especialista, muitas dietas detox divulgadas prometem auxiliar na eliminação das toxinas, na perda do peso e melhora da saúde, mas não há evidência comprovada. “Ao contrário disso, além dos custos associados significativos, a utilização de forma indiscriminada pode ter potencial para causar danos, principalmente hepáticos, apesar de serem bem populares”, alertou.
 
Sonalle explica que o termo detox surgiu para promover desintoxicação de metais pesados (alumínio, chumbo, cádmio). “Pesquisas atuais demonstram que o termo detox está relacionado principalmente com a desintoxicação de drogas e álcool”, detalha. De acordo com a especialista, estudos apontam que há evidências de que o coentro, uva, maçã, amora e outros alimentos possuem propriedades responsáveis por ‘inativar’ o metal do organismo, mas o uso para este fim é indicado apenas por especialistas e em situações necessárias de intoxicação pela substância.
 
“Nenhum alimento pode ‘intoxicar’ o organismo”. É o que destaca a nutricionista. No entanto, o uso exagerado de alimentos industrializados, temperos prontos, alimentos ricos em gordura, sal e açúcar, podem acarretar problemas na saúde, como risco de doenças cardiovasculares e hipertensão arterial, disfunções estomacais, resistência insulínica, diabetes, sobrepeso e obesidade.

Nutricionista alerta sobre perigos das ‘dietas detox‘ e recomenda  alimentação equilibrada - Polêmica Paraíba - Polêmica Paraíba
 
Para manter o organismo funcionando de forma equilibrada e saudável, a especialista recomenda o consumo regular de frutas e vegetais antioxidantes, principalmente após o consumo exacerbado de alimentos que prejudicam a saúde.
 
Ela ressalta que para reforçar o processo de ‘limpeza’ que o organismo realiza naturalmente, é aconselhado apenas a ingestão de mais água e alimentos ricos em vitaminas e minerais, que auxiliam o sistema digestivo e a produção de enzimas digestivas, ajudando na recuperação da ‘homeostase corporal’, que é quando o corpo funciona com estabilidade. “Evitar o consumo de frituras, refrigerantes e alimentos processados também faz parte das mudanças necessárias”, pontua.

Fonte: Assessoria




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias