Com mais de 24 horas de atraso PMCG justifica exclusão de Filipe Reul em reunião com prefeito dizendo que secretário estava com "sintomas parecidos com os da COVID-19"

14/05/2021

Em nota hoje distribuída à imprensa na tentativa de acabar com as especulações sobre a provável demissão do secretário Filipe Reul, da Saúde, que ontem chegou a ser excluído de reunião onde o prefeito Bruno Cunha Lima discutiu novas medidas de enfrentamento da pandemia do coronavírus na cidade, a Secretaria de Saúde justificou a ausência de Reul por ele ter apresentado nos últimos dias “sintomas parecidos com os da COVID-19”.

“Filipe Reul, apresentou, nos últimos dias, sintomas parecidos com os da COVID-19. Contudo, após a realização do teste RT-PCR por Swab, realizado na manhã desta sexta-feira, 14, não ficou detectada a infecção pelo novo coronavírus”, explica a nota.

Diz ainda a nota que “apesar disso, o auxiliar da gestão do prefeito Bruno Cunha Lima vai permanecer em repouso e manter os cuidados durante o final de semana. Reul foi medicado para tratamento de virose e está bem, com sintomas leves”.

Por último, a nota da secretaria esclarece “que principalmente por esta razão, zelo pela própria saúde e pela saúde da equipe, Filipe Reul tem-se mantido ausente dos compromissos presenciais nos últimos dias, embora venha continuando a dar sua importante colaboração à gestão, de forma remota”.

O intrigante no caso é que tal explicação deveria ter sido dada ontem mesmo já no início da reunião do prefeito, considerando que a maior autoridade envolvida com a execução dos protocolos relacionados à doença é exatamente o titular da Pasta da Saúde, o que revela que o secretário de fato está sendo posto em escanteio pelo gestor.

Fonte: Da Redação




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias