Exportações paraibanas crescem mais de 23% entre janeiro e setembro de 2021

20/10/2021
As exportações paraibanas tiveram como principais destinos, neste período os EUA, Países Baixos, Bélgica, França e China.
As exportações paraibanas tiveram como principais destinos, neste período os EUA, Países Baixos, Bélgica, França e China.

Na contramão do cenário de dificuldades econômicas, a Paraíba tem se destacado com um crescimento no volume de exportações. Isso é o que mostra o levantamento “Panorama Geral” realizado pela Federação das Indústrias do Estado da Paraíba – FIEP, através do Centro Internacional de Negócios.

De acordo com o estudo, de janeiro a setembro deste ano, o estado exportou US$ 95.661.175 (milhões de dólares americanos), quando comparado ao mesmo período do ano passado (US$ 77.302.763), um crescimento de 23,74%.

No acumulado do período, os 10 principais produtos exportados pela Paraíba foram:

1. Calçados com parte em tiras ou correias - $35.231.289

2. Álcool Etílico - $12.544.719

3. Sucos de Abacaxi - $7.443.883

4. Granito - $4.047.329

5. Calçados de matéria têxtil - $3.619.763

6. Açúcares de Cana -  $3.568.228

7. Água de Coco - $3.156.384

8. Mamões - $3.085.063

9. Fios de Algodão simples - $2.975.347

10. Lagostas congeladas - $2.516.518

As exportações paraibanas tiveram como principais destinos, neste período os EUA, Países Baixos, Bélgica, França e China.

O levantamento “Panorama Geral” realizado mensalmente pelo Centro Internacional de Negócios da Paraíba, tem como finalidade analisar o comércio exterior do estado através dos dados obtidos do Ministério da Economia para avaliar mudanças, tendências e variações de valores na pauta de compra e venda internacional.

Informações adicionais podem ser obtidas através do telefone: (83) 3533-5585.

Fonte: Assessoria




Comentários realizados

  • Essa matéria ainda não tem comentários realizados e você pode ser o primeiro a comentar.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail é de preenchimento obrigatório, mas não se preocupe que não publicaremos. Seu comentário será moderado pelo administrador do site e só será divulgado após isso.*


Outras Notícias